26 de ago de 2014

Onde a vida é de sonhar: Li ber da de...

Você que me enfeita os sonhos, 
Mal toco seus espaços, 
Não sei, saber não é do meu feitio,
[ E talvez não seja causo de saber-te] 
Sei que lhe chamarei Liberdade.
Poderia lhe chamar Desejo, 
Sei que viria até mim, 
Embora pouco saiba da sua órbita, 
Sei que te quero Liberdade,
E querer assim é maior que o Desejo. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Picolé de Chuchu ;

Fria e Indigesta !