26 de mai de 2009

Amores cruzados ? Hoje não.








Empolguismo. Tudo invenção do coração juvenil, fulgor, fulgor! O explendido fulgor que urra nas veias vulgarmente e nos leva a cometer equívocos, a ver as situações de um prisma vermelho, cálido e infelizmente, inverossímil.


Amores que surgem do dia para noite, amores que somem do dia pra noite, amores que não são amores, EMPOLGUISMO .


A cara da nova juventude, empolgar-se com a esmola da afeição alheia, a minha cara confesso, uma carência desnessária que vem acompanhada de uma série de súvidas, a cara da adolescência presumo, provar, provar o outro, provar-se, sentir prazer em sentir.


Adolescentes, como eu, são todos, todas e afins, de natureza edonista, interessados no prazer que a vida pode lhes propocionar, vermelho, roxo, azul .


Mas o prazer é uma faca de dois gumes, ele ludibria, ele traz no encalce consequências que são cicatrizes na alma, que mais tarde serão denominadas experiências. E toda experiência tem um resultado, nem sempre positivo .


É importante correr, mas é ainda mais importante saber quando parar, quando o prazer é ingrato, e quando o amor é apenas carinho ou carência. Não se deixa levar, não ser só instintos, não seder ao impulso, pensar e agir, nessa ordem .

Você não sabe ? Aquilo que falei foi pura empolgação! Espero desfazer essa situação. Amores cruzados? Hoje não. ( K-sis - Amores cruzados )

2 comentários:

  1. Gente o nível dos textos desta menina, estão a cada dia melhor. Mas minha opinião é que só com o tempo conseguimos enxergar a verdadeira face das coisas, afinal como diz a autora tudo começa com empolgação!

    ResponderExcluir

Picolé de Chuchu ;

Fria e Indigesta !